8 tipos de tratamentos para sua piscina

En este apartado daremos las claves para poder mantener su piscina en perfecto estado, desde lo más básico hasta lo último en temas de piscinas.
will90
Piscinero solo de baño
Mensajes: 1
Registrado: 24 May 2017, 19:34

8 tipos de tratamentos para sua piscina

Mensaje por will90 » 24 May 2017, 19:52

Ter uma piscina é ter diversí£o e qualidade de vida a qualquer momento. No entanto, engana-se quem pensa que ní£o sí£o necessários cuidados para manter a piscina sempre limpa e pronta para o uso. Há diversos tipos de tratamento para manter a água limpa, assegurando o funcionamento adequado da sua piscina e também saúde para os usuários.
Para além de um sistema de filtro a funcionar integralmente, manter uma piscina limpa e higiíªnica requer um equilíbrio perfeito entre a água e os produtos químicos que nela sí£o aplicados. Caso contrário, uma piscina com água que ní£o é tratada pode apresentar inúmeros problemas: a água pode apresentar-se escura e turva, sendo ainda potencialmente perigosa quando em contato com a pele ou olhos; o desenvolvimento de bactérias nocivas para a saúde; o desenvolvimento de algas que, para além de serem esteticamente desagradáveis, podem promover a formaí§í£o de bactérias prejudiciais.
Separamos os oito tipos possíveis de tratamentos para a sua piscina:
1) Tratamento de cloro: um dos químicos mais importantes para o tratamento de piscinas é definitivamente o cloro. Químico multifuncional, ní£o só mantém a limpeza da água da piscina, como a desinfeta, eliminando bactérias e outros microrganismos. Está disponível em pastilhas, tabletes e pó granulado.
2) Tratamento de pH: um dos aspectos mais básicos na manutení§í£o de uma piscina é assegurar o nível de pH da sua água, que deve ser testado regularmente. Um bom nível de pH situa-se entre os 7.2 e os 7.6; o nível ideal situa-se entre os 7.4 e 7.5. Se verificar um nível inferior a 7.2, deve aplicar um incrementador de pH para subir esse valor; se verificar um nível superior a 7.6, deve aplicar um redutor de pH. Ambos podem ser encontrados em forma de pó granulado ou em líquido.
3) Tratamento anti-algas: as algas sí£o uma ameaí§a constante í  estrutura e ao aspecto visual da piscina e o seu tratamento consiste na aplicaí§í£o de um algicida. O tratamento anti-algas para piscinas pode ser standard ou de concentraí§í£o elevada e a sua aplicaí§í£o depende do tamanho da piscina e do nível de atuaí§í£o necessária.
4) Tratamento choque: o tratamento de choque para piscinas é exatamente aquilo que o seu nome sugere – quando a água da piscina se torna instável (nomeadamente devido í  formaí§í£o de cloraminas), ou seja, passa a causar a irritaí§í£o da pele e dos olhos e a libertar um odor muito desagradável, é necessário efetuar um tratamento choque. Existem produtos específicos para este tratamento, de forma a assegurar a qualidade da água, reestabelecendo, assim, o seu equilíbrio. Entre eles, um dos mais utilizados é o cloro, que é utilizado, nesse caso, em excesso. Lembrando que os tratamentos de choque só devem ser escolhidos em último caso, quando a água da piscina atingir um estado crítico!
5) Tratamento de limpeza da linha de água: Ou seja, a limpeza da sujeira e gordura que se acumulam nas paredes das piscinas acima da linha de água. Para efetuar este tratamento, é possível utilizar um produto específico para o efeito, em gel ou líquido.
6) Tratamento clarificador: por vezes, as partículas de sujeira ou lixo que entram na piscina sí£o demasiado pequenas para serem filtradas por filtros de piscinas e a sua acumulaí§í£o torna a água escura e turva. Nestes casos, é necessário aplicar um tratamento clarificador, que é um líquido adicionado í  água da piscina, fazendo com que as pequenas partículas se juntem para formar partículas grandes que, por sua vez, sí£o mais facilmente filtradas ou aspiradas.
7) Tratamento anti-calcário: Combate a formaí§í£o de sais cálcicos na água, que podem levar ao aparecimento de incrustaí§íµes na estrutura da piscina, causando danos e a consequente deterioraí§í£o da mesma. Utiliza-se um produto anti-calcário para efetuar este tratamento para piscinas.
8) Tratamento contra metais pesados: as pequenas partículas de metais podem escapar ao filtro da piscina e se manterem suspensas na superfície da água. A sua ní£o remoí§í£o pode causar manchas nas paredes da piscina, o que implica um tratamento contra metais pesados. Nesse caso, deve-se procurar um produto químico específico para o efeito.
Agora que vocíª já conhece os oito principais tipos de tratamento para piscinas, escolha o que melhor atende í  necessidade da sua. Lembre-se de que é essencial dedicar-se a um tratamento adequado e de qualidade para que vocíª possa garantir saúde e qualidade de vida aos usuários da piscina. Afinal, cuidar bem de sua piscina nunca é demais, ní£o é mesmo?

Responder